Com saldo negativo recorde no primeiro trimestre, as cadernetas amargam perda superior a R$ 200 bilhões desde 2021, mostra BC

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *